PRF coíbe transporte irregular de produtos perigosos, resultando em 42 flagrantes de irregularidades.

Fonte: No Minuto

Durante dois dias a Polícia Rodoviária Federal intensificou a fiscalização ao transporte de produtos considerados perigosos, como gasolina, álcool, óleo diesel e querosene de aviação. As abordagens foram feitas, principalmente na BR-406, no município de Ceará Mirim, resultando em 42 flagrantes de irregularidades.

Além disso, uma pessoa foi detida por estar transportando produto sem a devida inspeção veicular e autorização para essa finalidade (artigo 56 da lei 9.605/98). Nos últimos quatro anos foram lavradas mais de 1.500 autuações em todo o Estado relativas
Ao transporte irregular de produtos perigosos.

Contudo, a importância maior da fiscalização consiste na prevenção de acidentes. Isso porque qualquer acidente em que algum desses veículos transportem produtos considerados perigosos podem ser lançados ao meio ambiente, principalmente a córregos, rios ou comunidades.

 

 

 

 

 

Voltar para Fiscalizações - Produtos Perigosos