PRF identifica transporte irregular de alimentos.
Fonte: Diário de Marília

Três caminhões adaptados para carregar produtos perigosos foram flagrados na base da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-153 transportando produtos alimentícios. Autuação foi durante operação especial para fiscalização de transporte destas mercadorias, que contou com a colaboração de especialista na área.

O inspetor PRF que coordenou a ação, Alexandre de Freitas, disse que por volta das 17h, duas carretas com placa de Timbé do Sul (SC) que seguiam em comboio do estado de Goiás para fábrica de alimentos em Santa Catarina, onde descarregariam óleo vegetal, foram identificadas como veículos aptos a transportar combustíveis. Ele explicou que documentação de licença é expedida nestes casos e que, conforme prevê a legislação que regulamenta o transporte terrestre, veículos com esta certificação não são autorizados a carregar gêneros alimentícios.

Por volta das 18h30, bitrem que seguia pela BR sentido Marília-Ourinhos carregado com 35 mil quilos de xarope de glicose, utilizado na fabricação de doces, foi autuado. Motorista informou que levaria carga de Uberlândia (MG) para o Rio Grande do Sul.

Caminhões permaneceram no pátio da PRF e, na manhã de hoje seriam vistoriados pela Vigilância Sanitária do Município. Segundo a polícia, carregamento deve ser destinado a indústria de biocombustível, determinada pela VS. Transportadoras e responsáveis pelo carregamento foram multados em R$ 1 mil.


Voltar para Fiscalizações - Produtos Perigosos