Obrigatoriedade de registro eletrônico do ponto é adiada pela segunda vez

Fonte: MGTV Panorama

A implantação do registro eletrônico de ponto para empresas com mais de dez funcionários foi adiada para setembro de 2011. Os equipamentos que emitem o comprovante do ponto deveriam estar nas empresas a partir desta terça-feira (01/03/11).

O ponto eletrônico com emissão de

comprovante dos horários de entrada e saída dos funcionários foi adotado em uma empresa de Juiz de Fora no ano passado. O modelo é mais prático, funcional e inviolável. “Acabaram os problemas de reclamação”, diz a gerente de recursos humanos, Wânia Bretas.

A medida agradou. O sistema garante total segurança do ponto batido e pode, inclusive, reduzir o número de ações trabalhistas na justiça.

A obrigatoriedade de implantação do registro eletrônico de ponto foi adiada para setembro. O objetivo é dar mais tempo às empresas e ao próprio governo para aperfeiçoar o sistema.

A portaria do Ministério do Trabalho, que instituiu o registro eletrônico de ponto, é de 2009. É a segunda vez que o prazo para a instalação dos relógios é adiado.










Voltar para:
Notícias Relações Trabalhistas