Resíduos perigosos para a saúde são descartados em estrada

No último domingo, dia 27/05/12, a Polícia Florestal encontrou na pista de terra da estrada velha que liga Rio Claro a Brotas, 42 latões de óleo queimado.

Segundo informações passadas pela Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb) no local, o produto está misturado com outras substâncias, mas tudo é classificado como Classe 1 (resíduos perigosos): são aqueles que apresentam riscos à saúde pública e ao meio ambiente, exigindo tratamento e disposição especiais em função de suas características de inflamabilidade, corrosividade, reatividade, toxicidade e patogenicidade.

Como há necessidade de retirada urgente do material, é o proprietário do local que deve arcar com os custos da remoção. No caso da estrada, é a administração municipal de Rio Claro que deve retirá-los de lá.

Parte dos latões está em um canavial próximo, pertencente a uma usina, que deverá removê-los. Segundo informações da Cetesb, a compensação pelo remoção dos resíduos pode ser requerida às empresas que fabricam o produto pelos que arcaram com os custos.

Fonte: Jornal Cidade

 


Voltar para:
Notícias - Produtos Perigosos