Operação integrada fiscaliza veículos com carga perigosa na BR-376
Polícia Rodoviária Federal (PRF), Defesa Civil, Corpo de Bombeiros entre outros órgãos de segurança estavam presentes na blitz

Uma blitz para fiscalização do transporte de produtos perigosos foi realizada no decorrer desta quinta-feira (13/09/12), na BR-376, ao lado do posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Apucarana. Participaram da operação a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, Instituto Ambiental do Paraná, Força Verde, Vigilância Sanitária Municipal e Receita Estadual.

Foram abordados dezenas veículos para verificação de itens de segurança, identificação e documentação. Os motoristas receberam orientações sobre os cuidados com o exercício da atividade.

O transporte de cargas inflamáveis, corrosivas, tóxicas e demais substâncias químicas que representam riscos à saúde e ao meio ambiente deve ser feito por motorista especialmente capacitado para isso. O curso de Movimentação e Operação de Produtos Perigosos (MOPP) é obrigatório pelo Conselho Nacional de Trânsito e tem duração de 50 horas/aula.

Além de verificar se o motorista tem a habilitação correta, operações como a realizada em Apucarana também servem para conferir a identificação da carga no caminhão, que deve ter o rótulo de risco e o painel de segurança segundo a nomenclatura internacional de produtos perigosos.

Fonte: TNOnline




Voltar para:
Fiscalizações Produtos Perigosos