Operário morre esmagado em Cristais Paulista, SP


Foto: Márcio Meireles/EPTV

Um homem de 41 anos morreu na manhã desta quarta-feira (24/10/12) após ser esmagado por um tubo de concreto em Cristais Paulista (SP). No momento do acidente, a vítima trabalhava na construção da rede de captação de água da chuva em um loteamento próximo ao Residencial André Franco Montouro.

O soldado da Polícia Militar Aguinaldo Andrade Cunha contou que a manilha caiu na cabeça do trabalhador, que morreu na hora. O corpo foi encaminhado para Franca (SP), onde o homem morava com a família.

Peritos da Polícia Técnica Científica estiveram na construção para investigar as causas do acidente. Segundo o investigador Fabrício Borges, a vítima e outros três operários que estavam no local não utilizavam equipamento de segurança, como capacetes.

Borges contou que os homens utilizavam uma escavadeira para suspender e transportar os tubos, que têm cerca de 1,80 metros. No momento do acidente, uma manilha que estava sendo transportada quebrou e caiu sobre o trabalhador.

"A princípio, uma das testemunhas disse que existe uma máquina apropriada para fazer esse trabalho, mas não estavam usando. Estamos investigando se isso pode ter contribuído para o acidente", afirmou Borges. O caso foi registrado como homicídio culposo - quando não há intenção de matar.

Outro lado

A empresa Tecpav Engenheira Ltda., responsável pela construção do loteamento, foi procurada e até a publicação da matéria não se manifestou sobre o caso.

 

Fonte: G1 Ribeirão e Franca

 

 

Voltar para:
Notícias - Segurança do Trabalho