Fiscalização identifica situação de cargas perigosas em Alagoas


Uma fiscalização integrada em busca de identificar demandas relacionadas à prevenção de desastres envolvendo produtos perigosos foi realizada na manhã desta quarta-feira (29/02/2012) na cidade de Messias, próximo do Posto Flecha.

Foram verificados nesta ação: exame dos documentos de porte obrigatório, adequação dos rótulos de risco e painéis de segurança, bem como dos rótulos e etiquetas das embalagens ao produto especificado no documento fiscal, verificação de vazamento no equipamento de transporte de carga a granel e, em se tratando de carga fracionada, sua arrumação e estado de conservação das embalagens.

De acordo com o coordenador Estadual de Defesa Civil de Alagoas (CEDEC-AL), coronel Gilson Romeiro, a maioria dos caminhões abordados foi encontrado algum tipo de irregularidade, como vazamento de óleo, combustível ou algum produto corrosivo perigoso.

A fiscalização tem por objetivo Prevenir, Preparar e Resposta Rápida a acidentes com produtos perigosos (P2R2). Com a ação, segundo o coordenador será possível fazer um mapeamento da circulação de produtos perigosos no Estado, isto é, por meio de um panorama da real situação do transporte de cargas perigosas.

A fiscalização aconteceu em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), Secretaria Estadual de Saúde (Sesau), Polícia Militar de Alagoas (PMAL), Vigilância Sanitária, Instituto Brasileiro de Meio Ambiente (Ibama), Instituto do Meio Ambiente (IMA) e Secretaria de Planejamento, realizarão uma fiscalização integrada para identificar demandas, relacionadas à prevenção de desastres envolvendo produtos perigosos.

Fonte:
http://tribunahoje.com

 

Voltar para:
Fiscalização - Produtos Perigosos