Fiscalização no transporte de produtos perigosos autua 38 na BR-262
Fonte: Polícia Rodoviária Federal, 12/02/2009

Para a fiscalização de trânsito, produtos perigosos são aqueles que, por suas características, apresentam risco na manipulação, acondicionamento ou transporte. As faixas de risco e a forma de transporte são recomendadas pelas Nações Unidas, que diferenciam esses materiais entre explosivos, inflamáveis, radioativos, corrosivos, dentre outros.

Nesta quarta-feira (11/02/09), a Polícia Rodoviária Federal do Espírito Santo fiscalizou na BR-262, em Viana, as condições de transporte de produtos perigosos, onde foi cobrada de condutores e transportadores as exigências legais para o seu transporte, como ferramentas e materiais de emergência para pronto-emprego em caso de acidentes ou vazamentos.

No entanto os policiais encontraram muitos desrespeitos às condições mínimas de transporte, lavrando um total de 38 autos de infração. Esta foi a primeira fiscalização específica do ano para esta categoria de transporte. Sua realização, que ocorre na semana que antecede o feriado de carnaval, objetiva disciplinar condutores profissionais que operem diariamente com substâncias perigosas.

Qualquer acidente com produtos inflamáveis, explosivos ou corrosivos pode trazer conseqüências graves não apenas aos condutores, mas também à população que mora às margens das rodovias e aos ecossistemas hídricos, principalmente rios e lençóis freáticos.


Voltar para:
Fiscalizações de Produtos Perigosos