Ipem-SP descobre fraude no transporte de combustível em blitz na Rodovia dos Tamoios
Fonte: Ipem

Fiscais do Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo (Ipem-SP), autarquia vinculada à Secretaria da Justiça e da Defesa da Cidadania, descobriram, na última sexta-feira (3/7), durante blitz no km 22 da Rodovia dos Tamoios, em Jambeiro, região de São José dos Campos, duas fraudes em um veículo-tanque , que transportava álcool hidratado.Segundo o técnico responsável pelo Posto de Verificação de Veículos-Tanque do Ipem em Guarulhos (Delegacia Regional Norte), Paulo Ossamu, a equipe encontrou no caminhão uma tubulação excedente que saía da bomba de descarga e desviava o produto para o reservatório de abastecimento, retendo parte do combustível transportado. Os fiscais também descobriram uma válvula do tipo fecho-rápido, escondida dentro da caixa de acessórios, anexa à lateral direita do tanque, com a finalidade de desviar o produto de um compartimento para outro.

Depois de receber o auto de infração do Ipem-SP, o veículo foi encaminhado à delegacia de Polícia do município de Jambeiro, para elaboração de boletim de ocorrência. O motorista foi orientado para comparecer à Polícia Científica de São José dos Campos nesta segunda-feira, 6 de julho, para realização de perícia no caminhão.

Fiscalização

A fiscalização feita em veículos que transportam produtos perigosos examina as condições de manutenção e segurança e verifica se atendem aos regulamentos técnicos aplicáveis, estabelecidos pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro). A operação tem por objetivo prevenir acidentes, protegendo o válvula escondida para desviar produto cidadão, o patrimônio e o meio ambiente.

Os agentes fiscais inspecionam cerca de 400 itens do caminhão e do tanque, vaso de pressão ou caçamba, que transportam produtos perigosos. São inspecionados componentes dos sistemas de iluminação e sinalização luminosa, freio e direção, além da suspensão, transmissão, pneus, dentre outros. Nos tanques são inspecionadas as tampas, válvulas, sistema de carregamento e descarregamento, fixação e conservação, existência de trincas, corrosão e vazamentos, todos diretamente relacionados à segurança do transporte.

Produtos perigosos são aqueles que, por suas características, podem colocar em risco a segurança do transporte, meio ambiente e saúde do cidadão, classificados pela Organização das Nações Unidas (ONU): produtos químicos, ácidos, gases inflamáveis e tóxicos, líquidos inflamáveis e combustíveis (gasolina, álcool etílico carburante, óleo diesel, querosene e combustível de aviação).

De janeiro a maio de 2009, o Ipem-SP realizou 67 operações em rodovias estaduais, fiscalizou 1.375 veículos-tanque, dos quais 422 receberam auto de infração e 220 tiveram certificados de inspeção apreendidos.

Em 2008 foram realizadas 173 operações, nas quais foram fiscalizados 4.285 veículos-tanque, emitidos 1.403 autos de infração e apreendidos 779 certificados de inspeção.


Voltar para:
Fiscalizações de Produtos Perigosos